2006/10/18

Duvidas!?!

Há muitas dúvidas nas nossas cabeças…
Será que o que estamos a fazer é correcto? …
Será que vamos conseguir?...
Será que a nossa ilusão vence a desilusão?...
Será que a alegria vence o desânimo?...
A fisioterapia e hidroterapia…
Todos os dias são rentabilizados ao máximo…
As nossas brincadeiras estão sempre camufladas, por mais um esticão, mais uma forcita, a bola, o trapézio, a água, a cadeira….. mais um exercício, mais outro e mais outro… e por vezes… a minha menina com uma lagrimazita no canto do olho lá se torce toda…abre a boquita para expressar um grito de dor (só o faz quando é insuportável, quando aguenta só faz a expressão de dor)… e é nestas alturas… que eu penso que é uma “maldade” tanta terapia…tanta dor, o que pensará o meu bebé…será que entende que não é por mal,… mas sim para nunca haver a suspeita de não ter sido feito o possível. Todas as pequeninas forças são exploradas ao máximo, para que todo o potencial seja trabalhado.
Todos os dias nos levanta-mos com a missão de um novo dia, de tranpor barreiras, de vencer etapas, de fortalecer cada vez mais e melhor os músculos da minha menina que teimam em não trabalhar ao ritmo dito “padrão normal”.
Sei bem… que tudo isto não é uma equação matemática, que se resolva, e está certa ou errada, e ponto final.
Sei bem… que é uma questão muito mais complexa, como se não conhecêssemos o adversário, e tentamos fazer tudo para estarmos preparados para lutar…e vencer.
Sei bem… que cada dia que passa o meu amor pela minha menina é cada vez maior, e isso há-de contar………….☻

16 comentários:

citizenmary disse...

Lobitas, que boa visita e que boa surpresa. Bons progressos. Tenho alguns dados para vos enviar que talvez possam ser úteis. Envio por mail. Vou correr agora. O meu aluno preferido é um menino crescido muito especial, é a ele que dou as aulas matinais. Foi ele que - sem saber escrever - copiou de um livro: HOJE VOLTEI A SER FELIZ. Beijinhos para as duas.**

citizenmary disse...

Ainda aqui... lembrei-me de uma colega que tive em tempos com uma Joana pequenina que tinha miopatia congénita. Hoje a Joana anda e fala, depois de todo esse massacre de fisioterapia que é necessário. É uma menina feliz, adora música. A música foi mesmo muito importante para ela. Deixo mais um sorriso. Um dia muito feliz e cheio de coragem!

Bekas disse...

Conta de certeza! O amor é dos elementos mais essenciais para se ultrapassar tudo!... Beijinhos

Sandra J. disse...

Acredito que custe muito ver um filho nosso sofrer mas se é para o bem dela, há que ter força e coragem para a ajudar, não '?
Bjs grandes

GE disse...

acho que mais vale tentar tudo do que ficar com alguma duvida do que não se fez e poderia ter sido feito.

Continua com força vais ver que vai dar resultados.

Bjinhos

Anónimo disse...

Olá Lobitas!
só agora conheci o teu blog, não desanimes porque essa fisioterapia nessa idade é "ouro" (tenho um filho com pc e desde muito novo que passa por "essas coisas")é muito dificil vê-los chorar, mas acredita que no futuro é bom vê-los a andar.....correr... falar...

Tem coragem

Xau Beijinhos

Carla

smeagol disse...

já diz o grande mestre "o amor é um templo, o amor é a lei mais alta!"
Muita força e coragem, e sobretudo muito amor!

Grilinha disse...

Conta muito e é por isso que a "massacras"...camuflas por entre as brincadeiras, mas não duvides que esse é o caminho...
Tenta só "escutar " o ritmo dela e não a sobrecarregues, quando já está exausta...
Eu acredito que quem trabalha, colhe os frutos...e muito doces.
Conheço o teu dia a dia...igual ao meu durante 5 meses...depois fui trabalhar, mas continuo a ter a preocupação constante de o pôr a "mexer" quando está ao pé de mim...Daqui por algubns tempos vais começar a dar-nos boas novidades. Um beijo

Mãezana disse...

O amor...tudo VENCE!!!
Não desistas!
Beijocas

Sara a Princesa disse...

Tenho a certeza que as nossas princesas ainda vão brincar muito juntas, vais ver...
Força e coragem...

Beijinhos.

Princesa Carolina disse...

ola mama

muita força para ti e muitos beijinhos
a tua menina e linda e vai ultrapassar isto tudo .

cloinca disse...

Essas dúvidas... tantas vezes me questionei sobre isso. Mas podes ter a certeza, esse é o caminho! A intervenção precoce, o começar a "trabalhar" cedo a criança é tão, tão importante!...
Como disseste e bem, nestes casos não lidamos com equações matemáticas, por isso mesmo temos que somar o máximo possível de estímulos. No fim, o resultado da "equação" será muito superior ao esperado!
Fica aqui o meu beijinho muito grande e cheio de força para vocês!!
E como já te disse antes, se precisares de alguma coisa, conta comigo!
:)

Grilinha disse...

Passei para deixar um beijinho...aqui a nossa amiga Cloinca é uma miúda fantástica e já me arranjou material espectacular sobre intervenção precoce...Fiquem bem.

Ludy disse...

O amor que sentes pela tua filha ajudar-vos-á a ultrapassar cada terapia...
Muita força e animo para voçes
bjinhos

Maria Poeiras disse...

Claro que sim o amor é muito importante.
Os nossos tesouros merecem todo o amor que lhes podemos dar.

Força e um beijinho meu e do Tiago muito especial para a lobita mãe e para a lobita filha.

Beijos

Anónimo disse...

O principal é acreditar na recuperação dos nossos filhos, porque se não formos nós ninguem mais acredita.

Beijinhos e muita força

fbarbeiro